sexta-feira, 6 de maio de 2011

Invernaço, aqui vamos nós!


Gaúcho que se preza curte o inverno. Reclama, xinga, faz buchicho,mas sabe que sempre vai estar entre nós este tempo de frio, neblina, umidade, ventos e chuvas. Mesmo que o nosso inverno já não seja mais tão pontual e nem tão rigoroso, recebe esta estação de forma natural, apesar do ranço para deixar de lado o travesseiro e o edredon na hora de ir trabalhar ou de estudar. Mesmo que com o frio vem junto no pacote um belo resfriado. Já faz parte do nosso corpo alguma "ite": rinite, bronquite, sinusite etc...Faz parte do cenário da gauchada nesta época do ano. E dê-lhe limão, mel e bolsas de água quente. E claro, muita estufa.

A parte boa do inverno é:

Comer bergamota e tomar chimarrão com os amigos na praça numa bela tarde de domingo de sol. Chamamos isto de lagartear.

Calçar aquela bota salto agulha exalando cheiro de couro, puxar do cabide aquele casacão ainda com cheiro do perfume que tu usavas no inverno passado.

Dobrar a esquina e sentir o vento te beijando a face. Segurar os cabelos e sentir o gelado da noite te roçando a nuca.

Subir a serra em dias nublados (sim, eu adoro dias nublados na serra!) e fazer aquele tour das calorias: chocolate quente, fondue e muito vinho. Bem acompanhada.

Banhos demorados com o chuveiro no grau máximo de uma sauna caseira, escaldando a pele avermelhada para depois tomar outro banho de creme, sem um pingo de suor, tão típico dos verões abafados.

Voltar pra casa ao anoitecer após passar a tarde no lombo do cavalo cavalgando pelos campos, acalorada e feliz, mesmo que esteja fazendo 5 graus nos pampas.

Dormir de conchinha com o bem querer, ouvindo o silêncio da noite e os resmungos do vento nem tão minuano nos últimos tempos. Me faz um bem danado ouvir a cantoria chorosa de um vento forte.

Vestir um short jeans velho, um moletom bem quentinho, tênis e passear na praia ouvindo somente o barulho das ondas. A praia só tua e dos surfistas que não largam as ondas nem em finais de semana gelados.

Taí época gostosa do ano...Concorda?

7 comentários:

VaneZa disse...

Bem que eu queria poder viver isso tudo. Principalmente a parte da bota e casaco. No inverno todo mundo fica chique, não é?

Aqui nosso inverno significa chuva e calor de 40°. rs

BeijoZzz

Lili Tormin disse...

Sou tão Paulistana, e gosto dos dias primaveris. Porém confesso que me deu uma pontinha de inveja e vontade de dias assim... Atípico em uma fotografia convidativa.

Um machiato iria bem!
Beijos Carol querida.

Dama de Cinzas disse...

Adoro inverno! E conheço o inverno do sul, que é bem diferento daqui do RJ, que nem existe praticamente... rs

Beijocas

Emíliana disse...

Bah,guria!O que dizer desse texto tão bem escrito?Só que:assino em baixo!!!rsrs
Boa semana,minha querida,e que venha muuuuuito frio!!!
Bjka

Denise do Egito disse...

Carol
Eu sempre gostei mais do verão: minha infância foi muito praiana, com os pais, os primos, depois amigas. Mas com a maturidade, a praia (cada vez mais cheia e com pessoas mal educadas) e o verão (cada vez mais quente) foram cedendo lugar ao inverno. Hoje percebo que essa estação tem mais a ver comigo hoje: mais introspectiva, mais elegante, mais caseira. E estou gostando muito!
Um beijo grande

Erika Saab disse...

Carol, vim retribuir sua visita lá no Coffee Break. Antes de tudo queria dizer que tenho um carinho especial pelo seu Rio Grande do Sul e pelo povo gaúcho, viu! Eu adoro um friozinho, como estou morando em SP, estou consguindo viver dias mais invernais! Não entendo porque tem gente que acha o inverno triste, eu já acho que o frio aproxima as pessoas, que faz todo mundo ficar mais bonito e elegante. Seu texto ficou ótimo! Beijos.

Ju Gomes disse...

Olá, vi um comentário seu em um post do Papo Calcinha e adorei o blog!

Quanto ao frio ... não gosto. As pessoas até ficam mais bonitas e elegantes, mas confesso que não me sinto a vontade nesta estação, estou sempre gelada (sou friorenta), resfriada, tensa ... enfim, acho que ainda falta descobrir as maravilhas do inverno, mas até lá, QUE SAUDADE do verão.