quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Da série: Todo ano acontecem micos.



Da série: Todo ano acontecem micos.
Mico 1 - entrar no táxi na pressa e achar que errou o carro. O carro é o trenó do Papai Noel. A música é de Natal, a decoração é típica e adivinha quem está ao volante? Sim, o bom velhinho!
Mico 2 - A cada sinaleira abanos, risadas, fotos e gritos esfuziantes de carros e transeuntes. Após algumas risadas nervosas chego a achar graça diante de tanta receptividade. Como o Natal mexe com as pessoas, penso direto.
Mico 3 - ao saltar do carro - trenó percebo chocada o porquê de tanta "alegria" enquanto passávamos: o carro é TODO decorado com luzinhas coloridas! 
Eu andei foi numa árvore, ambulante, de Natal!

Sabe qual foi a melhor parte?
Ao parar o carro na frente de casa uma mãe estava na frente do prédio com seus dois filhos pequenos. 
Quando as crianças enxergaram o Papai Noel, vieram de encontro ao carro tomadas de euforia.
Ver aqueles olhinhos cheios de felicidade e esperança,deslumbrados com o sonho do Papai Noel chegando,não tem preço. É voltar a ser criança refletida ali, igual espelho,na imagem daqueles pequenos seres iluminados de esperança e ingenuidade. Porque a vida é doce!


4 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Juro que queria ter visto a cena... kkkkk.

Bem, eu que adoro chamar a atenção iria adorar um taxi desse... rs.

Beijocas

Elaine Crespo disse...

Oi! Carol Bom dia!

Enquanto tomo café me sinto como estivesse batendo um papo contigo. E me emociono enquanto você me narra esta experiência tão inda. Tua sensibildade e gritante e sempre aqui me renovo com tanta emoção contida em palavras tão significativas.

Um beijo grande e um Natal como os que as crianças tiveram e você seja sempre esta pessoa tão especial.

Um beijo
Elaine Crespo

Carolina disse...

Dama, a cena foi bizarra.
E eu esqueci de tirar uma fotinho! kkkk

bjks

Carolina disse...

Elaine minha amigona,

fui lá te visitar no teu blog wordpress,aliás lindo,e te respondi,depois deste coment tão doce. Fiquei emocionada com as suas palavras.

Bjo grande!!!